Posts

Confira as mais tocadas no mês de junho

Ranking Musical: As músicas mais tocadas em junho nas rádios do Brasil

Cê tem certeza? Sim… por aqui o pulo foi grande quando o assunto são as músicas mais tocadas em junho nas rádios do Brasil. Quem achou que entrar no 7º mês de 2022 era pular 6 degraus no ranking foi a dupla de sucesso Léo e Raphael. A música de composição de Joquitan Medina, Marcus Santana e Dudu Soares “Larga Aí Pra Ver”, com a participação de Jorge, saiu da 8ª posição em junho para a 2ª posição neste mês. Foram quase 20mil plays a mais de um mês para outro e mais de 95mil plays nos 30 dias de junho de 2022.

Eles passaram por nomes como Luan Santana, Henrique e Juliano, Simone e Simaraia, Cesar Menotti e Fabiano e Jorge e Mateus. Será que ao invés de “Larga aí pra ver” a música não deveria se chamar “Toca aí pra ver o pulo no ranking”?

E se uns sobem, outros descem. Apesar de Gusttavo Lima se manter no lugar mais alto do pódio, a Música “Bloqueado” saiu da 1ª posição, dando lugar para “Termina Comigo Antes”, que subiu três posições que teve mais de 125mil execuções nas rádios do país.   

Ficaram ainda entre as dez mais tocadas Luan Santana feat Henrique e Juliano com “Erro Planejado”- 79.544 plays. Henrique e Juliano “A Maior Saudade” – 74.719 execuções, Simone e Simaria feat Zé Filipe “Vontade de Morder” – 72.237plays e, finalizando o TOP10 Brasil de Junho, “Molhando O Volante” de Jorge e Mateus – 66.370plays.

Agora que você já conhece algumas das músicas mais tocadas no mês de junho nas rádios do Brasil, segundo o ranking musical da Audiency, é só continuar a leitura e conhecer as músicas mais tocadas em cada gênero.

Claudia Leitte nada de braçada entre as mais tocadas no gênero axé

A carioca Claudia Leitte simplesmente quebrou a banca em junho. Com nada menos que cinco sucessos entre as dez mais tocadas no gênero, a cantora fez a festa dos fãs, sendo campeã o hit “Dengo Meu”, com 6.980 plays lançado em parceria com Juliette e Lucy Alves.

Leo Santana e Wesley Safadão não ficaram de fora das mais tocadas, o sucesso “Revoada” com 3.627 execuções . Já a diva Ivete Sangalo também manteve a preferência com o sucesso “Tá Solteira, Mas Não Tá Sozinha”, com 2.310 plays , em parceria com Harmonia do Samba.

Gênero bailão: Corpo e Alma no topo da preferência no mês de junho

Com dois sucessos entre as dez mais tocadas (Perigosa e Linda, com 9.309 excuções e Casa Comigo, com 5.094 palys) a Banda Corpo e Alma se consagrou no gênero bailão.

Na sequência vem o sucesso “Guardanapo”, com 6.803 plays da Banda Rainha Musical, e  “Rio Azul”, da Banda Os Atuais.

Outros hits entre as dez mais são: “Sem Cama” (Banda Céu e Cantos) com 5.475 plays , “Uma Dose e Quatro Tragos” (Banda Doce Pecado) com 5.051 execuções e “Vem tirar Minha Liberdade” (Banda Indústria Musical) com 4.251, entre outros.

Tierry e Taty Pink entre os preferidos no Brega/Arrocha

O baiano Tierry tem muito a comemorar: há mais de quatro meses seu hit “Cabeça Branca” com 34.250 plays ocupa a primeira posição entre as mais tocadas no gênero Brega/Arrocha. Mas ele também tem mais dois sucessos entre as dez mais: “Hackearam-me” 12.385 execuções, com a participação de Marília Mendonça, e “Rita”.

Figuram também entre as mais tocadas sucessos como “Se Não For Por Amor” com 25.381 execuções, de Amado Batista,  “Antes de Ir” com 8.204 plays, de Taty Pink, e “Par Perfeito” com 6.696 execuções, de Manu, entre outros.

Padre Reginaldo Manzotti e Frei Gilson lideram no gênero católico

O presbítero paraense Reginaldo Manzotti vem encantando multidões com seus sucessos. Este mês, além de manter o primeiro lugar para a música “Chagas Que Curam” com 7.780 plays, ele também emplacou o terceiro lugar com  “A Tempestade Vai Passar” 1.712 execuções, e o quinto, com 1.153 plys em “Ser Livre” .

O paulista Frei Gilson subiu para a segunda colocação com “Eu Seguirei” com 1.835 execuções, sendo acompanhado na sequência por sucessos como “Amigos Pela Fé” com 1.414 plays (Anjos de Resgate) e “A  Chave  do Coração” com 1.047 execuções (Adriana Arydes).

Daniel e Sula Miranda entre as dez mais dos clássicos sertanejos

A dupla paulista de sertanejos Gian e Giovani manteve a liderança das mais executadas no mês de junho, com 8.234 plays o sucesso “O Grande Amor da Minha Vida”.

Na sequência, a dupla goiana Chrystian  e Ralph, também seguram a segunda colocação com “Nova York” com 6.325 execuções.

Outros clássicos surgem entre as mais tocadas, como “Sonhei com você” com 3.762 plays (Milionário e Zé Rico), “Prato do Dia com 2.691 execuções, “Tocando em Frente” 2.181 plays com (Daniel) e “Caminhoneiro do Amor” com 1.526 execuções (Sula Miranda).

Gênero eletrônico: DJ Alok e a banda inglesa Bastille mantêm a liderança

O mês de junho não trouxe grandes novidades no gênero eletrônico. Mais uma vez, o ponto mais alto do pódio ficou para a parceria do goiano Alok com a banda inglesa Bastille, com 21.234 plays o sucesso “Run Into Trouble”.  O brasileiro conseguiu ainda a façanha de emplacar outras seis músicas entre as dez mais.

Entre elas, a segunda colocação “Alive” com 21.055 execuções e a terceira “Wherever You Go” com 11.723 plays. Porém, outros hits completam a lista das dez mais: David Guetta (Dreams) com 4.391 execuções, Tiësto (The Business) com 9.915 plays e a parceria de Tiësto + Karol G (Don’t Be Shy) com 4.579 execuções .

Forró/Pisadinha: Zé Felipe e Banda Líbanos entre as mais tocadas

Lançada em fevereiro, a música “Balanço da Rede” com 56.411 plays, resultado da parceria do cearense Matheus Fernandes e Xand Avião, atingiu o topo na preferencia dos ouvintes e foi a mais tocada do mês.

Já “Coração Cachorro” com 49.411 execuções, de Avine Vinny e Matheus Fernandes ficou agora na segunda posição, seguido por Wesley Safadão, com 43,665 plays “Eu Já Tava Bem”.

O gênero ainda tem Farra da Gordinha (Saudades) com 35.364 execuções, Daniel Dubai (Cachacês) com 31.938 plays e Forrozão Tropykália (Coração Medroso) com 31.665 execuções entre as mais tocadas.

Pedro Sampaio e Anitta arrasam no gênero funk em junho

Pelo terceiro mês consecutivo, o DJ e cantor carioca Pedro Sampaio conquista o topo da lista das mais tocadas no gênero funk este mês, com 10.988 plays o hit “Galopa”. E também emplacou o quarto lugar na parceria com Anitta “No Chão Novinha” com 4.985 execuções.

MC Kevin O Chris também manteve inalterado seu segundo lugar com 8.627 plays “Tipo Gin”. As dez mais contam ainda com 3.065 plays “Disco Arranhado” (Malu) e “Bloqueia Eu” com 4.857 execuções (DJ Lucas Beat + João Bosco e Vinícius), entre outros.

Gospel: Anderson Freire e Fernandinho são os mais tocados no mês

Composta pelo próprio Anderson Freire e lançada em 2013, a canção “Raridade” com 8.459 plays mostra que realmente empolga os fãs do artista: o hit mantém-se inabalado na liderança do gênero. O mesmo acontece com a segunda colocada “Acalma Meu Coração” com 4.310 execuções, do mesmo artista.

Outra certeza na preferência musical é a canção “Grandes Coisas”2.396 plays, do cantor Fernandinho.  O gênero traz ainda sucessos como “Casa do Pai” com 1.527 execuções, de Aline Barros, “Mesmo Sem Entender” com 1.530 plays, de Thalles Roberto, e “Primeiro Amor” com 1.510 execuções, de Patrícia Romania.

Harry Styles explode no gênero internacional em junho

No mês de junho a surpresa ficou com o cantor britânico Harry Styles,  que escalou do terceiro para o primeiro lugar entre as mais tocadas, com o hit “As It Was” com 38.153 plays, deixando o veterano Elton John e Dua Lipa na segunda posição, com o clássico “Cold Heart” com 36.965 execuções.

A também britânica Adele não fez por menos e brilhou no terceiro lugar com “Easy On Me” com 28.233 plays .

A hora e a vez de Seu Jorge na MPB

Com uma melodia simples e agradável, a música “Felicidade” com 3,292 execuções, do Seu Jorge, que faz parte do álbum Músicas para Churrasco II, reina soberana no primeiro lugar.

Sem grandes alterações no gênero,  o carioca é seguido de perto por Flávio Venturini com 1.915 plays na música “Espanhola” e Marisa Monte, “Calma” com 1.834 execuções.

O gênero traz ainda sucessos Nando e Sebastião Reis (Resposta) com 792 plays, Marisa Monte (Feliz, Alegre e Forte) com 1.469 execuções, e Tribalistas (Velha Infância).

Jovem Dionísio causa furor e desponta no gênero pop

No circuito musical há cerca de três anos, a banda paranaense Jovem Dionísio desponta entre as mais tocadas com um hit que surgiu de uma brincadeira entre amigos.

“Acorda Pedrinho” com 67.283 plays ocupa a liderança isolada em junho. Mas o sucesso do britânico Harry Styles ( At It Was) com 38.362 execuções também não deixa dúvidas e é a segunda mais tocada nas rádios de todo o país.

A musa carioca Anitta não decepcionou e tem dois hits entre as dez mais: “Envolver” com33.728 plays e “Boys Don’t Cry” com 15.546 execuções.

Banda Jota Quest é sucesso absoluto em junho no por rock

A banda mineira Jota Quest mostrou que realmente sabe agradar. Com o single inédito “Te Ver Superar” com 17.619 plays, lançado em maio em parceria com Dilsinho, a banda alcançou isolada a primeira colocação entre as mais tocadas.

Entretanto, a banda conseguiu também sacramentar outros quatro sucessos entre as dez mais: “Imprevisível” com 6.294 execuções, “Só Hoje” com 4.809 plays, “Fácil” com 3.810 execuções e o “Sol” com 3.482 plays.

A lista tem ainda Kid Abelha(Como Eu Quero) com 5.329 execuções, Vitor Kley (O Amor Machuca Demais) com 4.676 plays e Capital Inicial (Pensando em Você) com 3.631 execuções.

Rap/Hip-Hop: Hungria Hip Hop entre as preferidas do mês

O gênero não mostrou muita variação. A parceria entre o cantor carioca Xamã e o DJ Gustah mantêm pelo terceiro mês consecutivo o primeiro lugar com 19.826 exibições.

Também como nos meses anteriores,  o rapper Projota, em parceria com a cantora Lourena manteve o segundo lugar, com o hit “Pássaros” com 5.826 plays, enquanto o terceiro lugar segue “Jasmim” com 5.477 execuções, do rapper Hungria Hip Hop.

Raggae: Maneva emplaca mais um sucesso

Mantendo a liderança na audiência, a banda Maneva conseguiu empacar mais um sucesso. Lançada no começo de maio, a música “Na Porta do Teu Prédio” com 7.091 plays já é a mais tocada em junho.

O grupo ainda tem outros hits entre as dez mais, tais como “Deixe-Me Ir /Tem Café” com 4.956 execuções e “Lágrimas de Alegria” com 1.915 plays, da parceria com Natiruts. A musa Ivete Sangalo marcou a terceira posição com a badalada “Salve Baby” com 2.947 execuções.

Grupo Bochincho desponta entre as mais tocadas do gênero regional sul

Com 20 anos de história, o Grupo Bochinho é a mais tocada no gênero regional sul, pelo segundo mês consecutivo, com seu sucesso “Gordinho da Camionete” com 2.294 plays . Já o Grupo TalaGaço mantem a segunda posição com o hit “Errou” com 1.919 execuções.

Formado em 2006,  o grupo Nosso Balanço chega ao terceiro lugar entre as dez mais com o hit  “Ressaca de Vinho” com 1.918 plays, da parceria com o grupo Rainha Musical. 

Gênero Romântico: rei Roberto Carlos lidera em junho

Saltando do terceiro para o primeiro lugar no mês de junho, o sucesso romântico de Roberto Carlos “Esse Cara Sou Eu” com 5.400 execuções, lançado em 2012 mostra que ainda segue firme na preferência dos fãs.

Amado Batista segue firme no segundo lugar, com sua “Paixão de Genivaldo” com 5.343 plays, enquanto a terceira colocação fica com “Whisky a Go Go” com 4.387 execuções, do grupo Roupa Nova.

Sertanejo: Lançamento de Gusttavo Lima explode na liderança em junho

Lançada recentemente e escrita por Bruno César, Cristian Luz e Alex Torricelli , a nova música do cantor Gusttavo Lima,  “Termina Comigo Antes” com 125.489 plays, já dispara na preferencia nas rádios de todo o país.

O cantor ainda tem na terceira posição, o hit “Bloqueado” com 87.794 execuções, que agita bastante os fãs. A segunda colocação do mês fica com a dupla Léo e Raphael + Jorge, com o hit “Larga Aí Pra Ver” com 95.439 plays.

Para acompanhar as mais tocadas das rádios, siga nas redes sociais a Audiency.

Instagram | Facebook | Linkedin | Youtube | Twitter

ranking musical maio 2022 - As mais tocadas das rádios segundo Audiency

Ranking musical maio 2022 – As mais tocadas das rádios do Brasil

ranking musical maio 2022 - As mais tocadas das rádios segundo Audiency

Mais um mês se passou, já chegamos perto do final do primeiro semestre e, quando falamos de preferencia musical, observamos que o ritmo sertanejo é de longe o preferido pela população que ouve rádio. TOP 10 de maio é 100% sertanejo. Já das 100 músicas mais tocadas em todo o Brasil, o gênero sertanejo responde por nada menos que 60% da preferência.

O mineiro Gusttavo Lima foi o grande destaque nas 10 mais, emplacando dois sucessos nessa lista, o hit “Bloqueado” com 121.966 execuções e  “Termina comigo antes” com 84.025plays nas rádios do Brasil. Um terceiro hit com a participação do embaixador foi “Ai cê me quebra” uma parceria com a dupla César Menotti e Fabiano. A composição está na sexta posição do TOP100 Brasil das músicas mais tocadas.

Outro destaque do TOP10 nacional é a composição “Vontade de Morder” das coleguinhas Simone e Simaria + Zé Felipe. Léo e Raphael + Jorge também garantiram a 8ª posição com a música “Larga aí pra ver”.

Quem fechou a 10ª posição foi Zé Neto e Cristiano com “Ela e Ela”. A composição teve 71.662plays.

Cláudia Leitte domina no gênero axé

Quando falamos em axé music, a carioca Cláudia Leitte simplesmente domina. Das 10músicas mais tocadas nesse gênero, cinco são dela. A música “De Passagem”, de autoria de Vitão, Luccas Carlos e Douglas Moda foi a grande campeã no gosto da audiência.

Léo Santana foi outra estrela que brilhou bastante. Com duas músicas entre as 10 mais tocadas, a música “Revoada”, com a participação de Wesley Safadão foi o grande sucesso do cantor nesse mês, com 4.712 plays.

Bailão:  “Perigosa e Linda” é a mais tocada no mês de maio

Com 50 anos de carreira, a banda gaúcha Corpo e Alma conseguiu o primeiro lugar no gênero bailão. A música “Perigosa e Linda”, foi o grande sucesso do mês, com 7.776 execuções nas rádios do Brasil.

Outros artistas se destacaram, tais como: Banda Sam Marino (Kit Solidão) e Banda Indústria Musica (Vem Tirar Minha Solidão).

Tierry mantém a liderança em maio no gênero Brega/Arrocha

Com três músicas entre as mais tocadas no gênero em maio, o  baiano Tierry se mantém na preferência da audiência com seu hit “Cabeça Branca”,  de sua autoria e em parceria com Topera. Outros hits do cantor entre as mais tocadas foram “Hackearam-me” e “Rita”.

As dez mais ainda trazem “Se Não For por Amor”, de Amado Batista, e “Antes de Ir”, de Taty Pink, entre outros.

Padre Reginaldo Manzotti consagra seu sucesso no gênero católico

À semelhança do que aconteceu em abril, o paranaense Padre Reginaldo Manzzoti vê sua posição consolidada entre os mais tocados neste gênero. Em maio, o presbítero teve três de seus sucessos entre os dez mais tocados, com destaque para  “Chagas que Curam”, com 7.404 plays nas emissoras do Brasil.

Mas outros o seguem de perto. Frei Gilson tem dois hits entre as dez mais: “Eu Seguirei”, e “Acalma Minha Tempestade”.

Gian e Giovani entre as mais tocadas do mês no gênero clássicos sertanejos

Há mais de três meses entre as 10 mais, a dupla paulista Gian e Giovani conseguiu aos poucos ir escalando na preferência dos ouvintes, atingindo em maio o primeiro lugar entre as mais tocadas. “O Grande Amor da Minha Vida”, composição de Jefferson Farias e Nino, que já havia sido gravada por outros sertanejos, brilhou este mês, conquistando 7.364 execuções nas rádios do Brasil.

A lista traz ainda sucessos de Chrystian e Ralph (Nova York), Teodoro e Sampaio (Paixão Proibida) e o clássico “Sonhei com Você”, de Milionário e José Rico.

Eletrônico sacramenta DJ Alok na preferência dos ouvintes

Com nada menos que sete entre as dez mais tocadas, o DJ Alok lançou em abril, em parceria com a banda inglesa Bastille, a música “Run Into Trouble”, e com 25.987 plays, tornou-se rapidamente a preferida dos ouvintes. A música mescla um ritmo  dançante com uma letra  profunda que, literalmente, agita a moçada.

Ainda entre as mais tocadas do gênero estão Tiësto (The Business e Don’t Be Shy), e David Guetta (Dreams)

Avine Vinny e Matheus Fernandes mantêm a liderança no gênero Forró/Pisadinha

Nos últimos meses, não houve grandes alterações nas preferências deste estilo musical. A parceria de Avine Vinny e Matheus Fernandes nada de braçada. na opinião popular mantém o primeiro lugar absoluto entre as mais tocadas com “Coração Cachorro”, com 62.579 execuções na emissoras do Brasil.

A música tornou-se ainda mais requisitada em virtude da participação de James Blunt, que amou a letra que incorpora alguns acordes do hit “Same Mistake”.

As preferidas do  gênero ainda incluem Wesley Safadão (Eu Já Tava Bem), Matheus Fernandes e Xand Avião (Balanço da Rede), Zé Felipe (Me Atende), entre outros.

Funk: Pedro Sampaio, Dennis DJ e Anitta entre as mais tocadas em maio

Em uma composição que mistura a música country e o fantasioso, Pedro Sampaio e seus colaboradores Maikinho DJ, Shylton Fernandes e Gabriel Cantini acharam a fórmula mágica. Há três meses o hit “Galopa” mantém a primeira posição.

Enquanto isso, MC Kevin O Chris assegura seu segundo lugar com “Tipo Gin”. Já o cantor e compositor Dennis DJ, com sua parceria com Gusttavo Lima, “Lágrima Por Lágrima”, permanece na terceira colocação.

Anderson Freire dispara na preferência em maio, no gênero gospel

O capixaba referido  como intérprete de música cristã contemporânea para uma série de artistas, Anderson Freire, teve seu papel consolidado no gênero gospel. Com duas músicas nas primeiras posições (Raridade e Acalma Meu Coração), o artista assegurou respectivamente o primeiro e segundo lugar entre as mais tocadas nas rádios do Brasil.

Seguem entre as dez mais  sucessos como “Primeiro Amor” (Patrícia Romania), “Grandes Coisas” (Fernandinho) e “Casa do Pai” (Aline Barros)

Internacional: Ed Sheeram e Bruno Mars figuram entre as dez mais em maio

O gênero internacional vem mostrando um equilíbrio nos últimos meses. Já pelo terceiro mês consecutivo, a parceria entre Elton John e Dua Lipa fica em primeiro lugar com o remake de “Cold Heart”, com 41.076 plays. O mesmo acontece cmo Adele e o hit “Easy On Me”.

A surpresa foi para “As It Was”, de Harry Styles que saltou de 16º para 3º lugar. Os dez mais incluem ainda Cold Play e BTS (My Universe), Gayle (ABCDEFU) e Kid Laroi e Justin Bieber (Stay).

Seu Jorge tem a música mais tocada em maio no gênero MPB

Lançada em 2012 e composta por Seu Jorge, Pretinho da Serrinha, Gabriel Moura e Leandro Fab), a campeã “Felicidade” evoca o balanço pop funk do cancioneiro de Tim Maia, ficando como a mais tocada nas emissoras no mês me maio.

Já a composição pitoresca de Flávio Venturini e Guarabyra “Espanhola” assume a segunda posição, na voz de seu coautor, Flávio Veturini.  O terceiro lugar fica com a composição de Marisa Monte e Chico Brown, “Calma”. A carioca emplaca ainda outros dois sucessos entre as dez mais (Feliz, Alegre e Forte e Portas).

Anitta segue firme na liderança do gênero pop

Com duas canções entre as dez mais, a carioca Anitta mostra que seu sucesso é realmente sólido (Envolver, em primeiro, e Boys Don’t Cry, em quarto).

Lançada em março deste ano, o hit “As It Was”, do britânico Harry Styles conseguiu um sucesso  estrondoso e já ocupa o segundo lugar entre as mais tocadas do mês.  Em terceiro lugar vem a cantora e compositora carioca Iza, com o hit “Sem Filtro”.

Jota Quest tem cinco hits entre as dez mais tocadas no mês

Embora o primeiro lugar entre as preferidas continue com Di Ferrero e Vitor Kley, com a música “Intensamente”, pelo terceiro mês consecutivo, a banda mineira Jota Quest emplaca cinco sucessos entre as mais tocadas: “Imprevisível”, em segundo, “Só Hoje”, em quinto, “Fácil”, em sexto, “O Sol”, em oitavo e “A Voz do Coração”, em décimo.

Na terceira posição, o clássico do Kid Abelha, “Como Eu quero”.  As mais tocadas trazem ainda sucessos como “O Amor Machuca Demais”, de Vitor Kley, e “Pensando em Você”, do Capital Inicial, com participação de Mariana Volker.

Rap/Hip-Hop tem Marcelo Falcão e Matuê entre as preferidas no mês de maio

Lançada em 2021 pelo rapper carioca Xamã, “Malvadão 3”, com 26.114  plays não para de surpreender, e mantém a liderança também em maio.  Na segunda colocação fica “Pássaros”, com 7.729 execuções, resultado da parceria entre o rapper Projota e a cantora Lourena.

O terceiro lugar, assim como nos meses anteriores, ficou com a música “Jasmim”, com 6.055 de plays, do Hungria Hip Hop, embora a lista inclua ainda sucessos como “Coração de Gelo”, de PK, com a participação de Dilsinho, e “Em Busca da Luz”, de Marcelo Falcão.

Banda Maneva  agita o ritmo reggae com várias músicas entre as mais tocadas

Formada em 2005, em São Paulo, a banda Maneva, que no idioma africano significa “prazer”, vem se mantendo na preferência dos ouvintes, e no mês de maio emplaca seis músicas entre as dez mais, liderando com “Deixe-Me Ir/Tem Café (Ao Vivo)”.

Outros títulos do grupo são “Lágrimas de Alegria”, “Mundo Novo”, “Banco de Areia”, com a participação de MC Hariel, “Lindo, Leve e Pleno, e “Na Porta do Teu Prédio”.

Em segundo lugar ficou a parceria de Ivete Sangalo e Iza, “Salve Baby”, e o terceiro com a banda mineira Lagum e o sucesso “Musa do Inverno”.

Regional Sul: Grupo Bochincho salta para a primeira posição em maio

Com uma presença de palco marcante ao longo de seus 20 anos de história, o Grupo Bochincho chega ao mês de maio pulando da quarta para a primeira posição entre as mais tocadas, com o sucesso “Gordinho da Camionete”, com 3.213 execuções nas rádios do Brasil.

Fenômeno parecido aconteceu com o grupo paranaense TalaGaço, cuja música “Errou” escalou da sexta para a segunda posição.  Outro grupo que disparou entre as mais tocadas foi o gaúcho Tchê Chaleira, formado em 1997.  A música “Virando Lata”

Amado Batista e Roberto Carlos entre os românticos mais tocados no mês de maio

Com 44 anos de carreira musical, o goiano Amado Batista vê seu sucesso consolidado no gênero romântico. Suas músicas “Paixão de Genilvaldo” e “Então Volta” (com a participação de Kell Smith) ficaram respectivamente com o primeiro e segundo lugares nas emissoras do Brasil.

Já o eterno romântico Roberto Carlos, também viu duas músicas chegarem novamente ao topo:  “Esse Cara Sou Eu”, e “Chegaste”, com a participação de Jeniffer Lopez, respectivamente, terceiro e quarto lugares.

Mas também notável é a performance do grupo Roupa Nova, que teve cinco de seus sucessos entre as dez mais, inclusive as clássicas “Dona” e “A Viagem”.

Samba/Pagode: “Sábado e Domingo” é a mais tocada neste mês

A música “Sábado e Domingo”,com 46.896 plays, é uma das faixas do álbum intitulado “Clube do Araújo” que traz a parceria inédita entre Felipe Araújo e Thiaguinho, alcançou a primeira colocação no mês de maio nas rádios do Brasil.

Na segunda posição está a música da parceria entre Dilsinho e o grupo Sorriso Maroto, lançada no começo do ano “Mensagem Apagada”. E o terceiro lugar fica também para o cantor Thiaguinho com o hit ”Falta Você” .

Sertanejo: Gusttavo Lima e Luan Santana são os mais tocados na modalidade

Composta por Rodrigo Reis, Kinho Chefão e Renno, a música “Bloqueado” com 121.966 execuções, na voz de Gusttavo Lima se manteve como a mais reproduzida neste mês, repetindo o sucesso dos meses anteriores. Mas o sul-mato-grossense Luan Santana não ficou muito atrás e manteve seu sucesso “Abalo Emocional” com 100.943 plays na segunda posição.  Já a dupla Henrique e Juliano, que estavam na quarta posição no mês anterior, subiram para o terceiro lugar com o hit “A Maior Saudade” com 89.358 plays nas emissoras do Brasil.

Instagram |

A Dupla Théo e Thiago lançam ” Sofrência Remix” sucesso com DJ Chris no Beat

“SOFRÊNCIA REMIX”

Sofrência Remix, vem pra reforçar que misturar Funk e Sertanejo é garantia de sucesso!!

Com mais de 8 mil inscritos em seu canal do Youtube a dupla paranaense Théo e Thiago vem conquistando seu espaço agora em território nacional

Sobre “SOFRÊNCIA REMIX”

 A dupla Théo e Thiago, chega com tudo nessa quinta- feira (14/04), com um lançamento pra la de envolvente. Em todas as plataformas oficiais, vem aí o sucesso “ Sofrência Remix” a combinação perfeita do sertanejo com funk. O hit será uma parceria da dupla com o DJ Chris no Beat.

Confira no canal oficial do DJ Chris, o clipe. Está imperdível!!!!!!

“Sofrência Remix” tem como compositores Gabriel Vittor/Jota Lennon/Rodolfo Alessi, e produção musical do DJ Crhis- Máquina de Hit

A Dupla “Théo e Thiago”

Théo e Thiago nasceram com uma paixão enraizada pela música sertaneja. Influenciados pelo pai da dupla, Seu João Messias. Mostrando o caminho do sertanejo raiz e a determinação para alcançar grandes objetivos. 

Os irmãos, que batalham há 14 anos pelo sonho da música, hoje, estão se destacando no cenário nacional.

Com participações como Jads e Jadson e Munhoz e Mariano. Onde compõe o novo DVD da dupla, gravado em Campo Grande-MS e produzido pelo grande produtor Flávio Guedes.

Este trabalho de grande importância está alcançando números significativos tanto nas plataformas digitais: Spotify e Deezer. Como também no YouTube, que já conta com mais de 8 mil inscritos no canal e mais de 2 milhões de views na plataforma.

Para saber sobre as últimas novidades do mundo das rádios, acesse as nossas redes sociais!

Instagram | Facebook Linkedin | Youtube | Twitter

E se você quer acompanhar as mais tocadas do Sertanejo, visite o nosso Audiency Charts. Acesse e experimente os nossos filtros com o seu estilo favorito.

Léo e Raphael lançam ” Larga Aí Pra Ver” em parceria com Jorge

“LARGA AÍ PRA VER”

O Hit “Larga Aí Pra Ver” faz parte do Lp “Mar de Chapéu”e tem parceria com o cantor Jorge.

Com 2 milhões de ouvintes mensais, 92 milhões de streams e mais de 350 milhões de visualizações a dupla forma uma referência de sucesso no Paraná.

Sobre “LARGA AÍ PRA VER”

E fazendo jus aquele refrão que consagrou a dupla “Os Menino da Pecuária, oh oh, não para…” Os meninos chegam com tudo, para emplacar mais um sucesso!! Léo e Raphael lançam nessa quinta-feira (07/04) o hit “Larga aí pra ver” com participação especial do cantor Jorge da dupla Jorge e Matheus.

“Larga aí pra ver” tem como compositores Joquitan Medina/Marcus Santana/Dudu Soares, e produção musical de Diego de Souza. E faz parte do novo álbum dos artistas “Mar de Chapéu”.

A Dupla “Léo e Raphael”

Os paranaenses Léo & Raphael formaram dupla em 2014, mas a história da dupla na música começou bem antes. Léo ganhou seu primeiro violão e começou a cantar aos 12 anos.  Profissionalmente, se apresentava em bares e festas universitárias na região de Londrina/PR. Hoje, além de violão, toca também viola e gaita de boca. Já Raphael, começou na música aos 15 anos, tocando guitarra na igreja, e nunca mais parou.

Os dois artistas já tiveram outras duplas sertanejas, e também participações em composições escritas em parcerias para outros artistas. Já trilhando caminhos sozinhos, os amigos de longa dada, resolveram se juntar no ano de 2014, e realizaram seu primeiro show como dupla “Léo e Raphael” na boate Santarena, na cidade de Londrina.

O primeiro álbum dos sertanejos, chamado “Na Contramão do Sucesso”, foi lançado em 2015. Este projeto trouxe treze faixas no total, incluindo os sucessos “Taca Cachaça pra Nóis”, em parceria com Fabinho e Rodolfo, com aproximadamente 11 milhões de visualizações no YouTube, “Quem Disse Que Me Viu Mentiu” com cinco milhões de views e “Nega” com 280 mil views.

De lá para cá, foi um sucesso atrás do outro, em 2021, foi o ano do hit “Os Menino da Pecuária” ser revelado e rapidamente conquistou todo o país. Lançado em junho, o videoclipe se aproxima de 45 milhões de visualizações e mais de 35 milhões de streamings nas plataformas digitais, onde está presente em mais de 110 mil playlists. A canção foi a 5ª colocada entre as músicas mais ouvidas nas rádios do Brasil na semana de 11 a 17 de julho, assumindo assim o primeiro lugar no segmento agro no Brasil.

Para saber sobre as últimas novidades do mundo das rádios, acesse as nossas redes sociais!

Instagram | Facebook Linkedin | Youtube | Twitter

E se você quer acompanhar as mais tocadas do Sertanejo, visite o nosso Audiency Charts. Acesse e experimente os nossos filtros com o seu estilo favorito.

As mais tocadas de março nas rádios do Brasil

Conheça as músicas mais tocadas nas rádios do Brasil em março – Audiency.io

Chegou a hora de conhecer as músicas mais tocadas nas rádio do Brasil em março, segundo o Charts da Audiency.io

O mês de março chega ao fim, e ao longo de seus 31 dias observamos o tradicional sobe e desce de posições. Enquanto uns perderam posição, outros surgiram com força e partiram com tudo para o topo das mais tocadas. E se 80% da população brasileira ouve rádio, nada melhor do que conhecer as músicas que são destaque no meio.

O hit “Bloqueado”, de Gusttavo Lima escalou da quinta posição em janeiro para o primeiro lugar, com impressionantes 200.548 plays.  Marca que coloca uma diferença de 104.519 execuções para o segundo colocado. Você já tinha visto uma diferença tão grande alguma vez no TOP10 nacional? É o embaixador surpreendendo o Brasil!

O segundo lugar ficou para Luan Santana com “Abalo Emocional”, que teve 96.029 plays. Mais que o dobro dos plays obtidos em janeiro, quando o hit apareceu na 25° colocação, com 44.907. Um feito e tanto!

E na sequência vem a parceria de Simone e Samaria+Zé Felipe, que tiveram a faixa “Vontade de Morder” exibida 74.383 vezes, que subiu da nona  para terceira posição.

Ivete Sangalo  e Cláudia Leitte emplacam diversos sucessos entre as mais tocadas no gênero Axé

A carioca Cláudia Leitte teve uma performance impressionante no mês de março para o gênero axé: nada menos que quatro hits entre os dez mais tocados no país.  Mas o primeiríssimo lugar ficou para “De Passagem”, lançada em fevereiro, e que no mês de março teve 17.833 plays. E no terceiro lugar a canção “Eu dou Tchau” teve 5.103 plays.

Já a baiana Ivete Sangalo também teve vários sucessos entre as mais tocadas. E a campeã de seu repertório foi “Mexe a Cabeça”, da parceria com Carlinhos Brown, que foi tocada 3.752 vezes.

Banda Os Atuais consagra o favoritismo no gênero  Bailão

Pelo terceiro mês consecutivo, a banda gaúcha Os Atuais emplacou o primeiro lugar na preferência, com o hit “Rio Azul”, tocado 5.798 vezes no mês de março.

Já o sucesso “Perigosa e Linda”, da Banda Corpo e Alma, deixou o quarto lugar que ocupou nos dois meses anteriores, para alcançar o segundo lugar, com 4.701 exibições.

Mas a novidade ficou por conta do sucesso “Kit Solidão”, da banda são Marino, que teve 4.466 plays.

O gênero teve ainda sucessos como “#NósDois”, “Não me Valorizou” e “Roxo no Pescoço” entre as mais tocadas.

Cantor Tierry segura firme seu lugar entre as mais tocadas no mês de março

Quando o gênero é o Brega|Arrocha, não há dúvidas quanto ao lugar de destaque ocupado pelo cantor  Tierry. Seu sucesso “Cabeça Branca” mantém a liderança isolada com 63.005 plays  este mês.

Mas o cantor anda emplacou o segundo lugar com “Hackearam-me”, com a participação da saudosa Marília Mendonça, e o quinto lugar com o sucesso “Rita”.

O terceiro lugar fica para o cantor Zé Felipe, com “Só tem Eu”, tocada 12.880 vezes em março.

Padre Zezinho  segue n a liderança do gênero Católico pelo terceiro mês consecutivo, apenas esse ano

O mês de março mostrou que houve pouca alteração na preferência dos ouvintes do gênero Católico. Repetindo os meses anteriores deste ano, a música mais ouvida foi “Oração Pela Família”, do Padre Zezinho, que teve 13.701 plays.

Também repetindo os meses precedentes, Padre Marcelo Rossi solidificou sua posição no segundo lugar, com o sucesso “Mari Passa na Frente”, com 13.248 plays.

Na sequência surge o sucesso “Glorioso São José”, da dupla Álvaro e Daniel, que saltou do sexto para o terceiro lugar, com 6.731 plays.

É o Amor alcança a liderança no gênero Clássico Sertanejo entre as músicas mais tocadas nas rádio do Brasil em março

Sucesso da dupla Zezé de Camargo e Luciano, saltou do segundo lugar que vinha ocupando nos últimos dois meses, para a primeira colocação em março, com 9.312 plays.

No segundo posto, agora invertido, está a dupla João Mineiro e Marciano, com o hit “Ainda Ontem Chorei de Saudades”, tocada 8.928 vezes.

Na terceira posição vem a dupla Gian e Giovani, com o sucesso “O Grande Amor da Minha Vida”, com 7.691 plays.

Com quatro hits entre os dez mais, Alok sacramenta sua posição no gênero eletrônico

Considerado o quarto melhor DJ do mundo, o goiano Alok mostra a que veio e solidifica sua posição no gênero de música eletrônica. Há quatro meses o músico ocupa o primeiro lugar, com o sucesso “Wherever You Go”, além de “Alive”em segundo e o consagrado “Hear Me Now” em quinto. Somente essas quatro canções são responsáveis por mais de 53 mil plays de Alok nas rádios do Brasil.

Já o terceiro lugar fica com o grupo italiano Meduza, com o sucesso “Piece of  Your Heart”.

As dez mais do gênereo trazem ainda Tiësto, com “The Business”, e “Don’t Be Shy” e “Happier”, de Marshmello.

Avine Vinny+Matheus Fernandes e Ricardus mantêm-se entre mas mais ouvidas do Forró Pisadinha

.

O mês de março termina, mas as mais tocadas no gênero Forró Pisadinha trouxe poucas alterações na preferência do público. Avine Vinny + Matheus Fernandes mantiveram o primeiro lugar  com “Coração Cachorro”, que tece 75.604 plays.

Na segunda posição chega o cearense Ricardus, cuja música “Baby Eu Tô Mal”, que teve 57.616 plays, seguido de perto por Wesley Safadão, com o sucesso “Eu Já Tava Bem”, com 57.453 plays. São menos de 200 execuções entre o segundo e terceiro colocados. Qual sua aposta para as mais tocadas de abril?

O gênero traz ainda “Baby Me Atende”, de Matheus Fernandes + Dilsinho e “Malvada”, de Zé Felipe.

No gênero Funk  Pedro Sampaio segue na liderança no mês de março

O carioca Pedro Sampaio mostra que veio pata ficar. Há quatro o meses o artista está em primeiro lugar, com o hit “Galopa”, que teve 15.790 plays.                     

Também mantendo a posição no segundo lugar está MC Kevin O Chris, com a música “Tipo Gin”, que foi tocada 11.118 vezes.

Já o terceiro posto entre as músicas mais tocadas nas rádios do Brasil em março foi ocupado por Dennis DJ sua música “Lágrima Por Lágrima”, com 9.038 plays.

Anderson Freire e Voz da Verdade estão entre os mais tocados no gênero Gospel em março

O capixaba Anderson Freire segue na liderança com sua música “Raridade”, que foi executada 8.710 vezes durante o mês de março.

Já o segundo lugar, repetindo a performance dos meses anteriores, segue a banda paulista A Voz da Verdade com a canção “O Escudo”, que teve 6.028 plays.

Também seguindo os resultados dos meses de janeiro e fevereiro, a cantora gospel Aurelina Dourado, segue no terceiro lugar com  “A Vitória Chegou”, que foi tocada 5.375 vezes.

Elton John e Adele seguem dominando no gênero de música internacional

Nos últimos 30 dias,  repetindo a performance dos meses anteriores, Elton John+Dua Lipa mantêm-se firme na liderança do gênero com o remix de Cold Heart, que teve 40.286 plays.

Já a inglesa Adele mantem a segunda posição, com 35.742 plays, também repetindo a posição do mês anterior, com “Easy On Me”.

O terceiro lugar trouxe novamente a parceria entre Cold Play + BTS,  com o hit “My Universe”,  que teve 26.781 execuções.

Aparecem também entre as 10mais os sucessos: Ed Shreeran em quarto e quinto lugar com “Bad Habits” e “Shivers”, respectivamente, além de Bruno  Mars, com “Leave The Door Open”.

Tribalistas, Djavan e Alceu Valença sacramentados entre as dez mais no mês de março

 Falando em Música Popular Brasileira, os Tribalistas repetem o sucesso dos meses anteriores e emplacam novamente o primeiro lugar com o hit “Velha infância, que teve 7.336 plays.

Também repetindo a performance desde o começo do ano, o alagoano Djavam segura a segunda colocação, com o consagradíssimo “Oceano”, exibido 5.080 vezes no mês.

A terceira posição foi de Alceu Valença, que teve 4.967 plays para a música “Anunciação”.

Anitta reina  absoluta no gênero pop mais uma vez

A cantora Anitta nunca deixa de surpreender.  Mais uma vez, seu sucesso “Boys Don’t Cry” ficou em primeiríssimo lugar com 39.191 plays.  A cantora ainda emplacou o terceiro lugar com “Envolver”, que teve 20.096 plays. Anitta já é considerada o maior case da música brasileira tocada no exterior. E você, já deu o play nessa música? Olha ela aí!

Na segunda posição fica Iza, com a música “Sem Filtro”, tocada 23.526 vezes. 

As dez mais do gênero trazem também Simone e Simaria “No Llores Más”, Melin (Meu Abrigo) e Daniel Caon + Wesley Safadão + Pedro Sampaio “Fala Mal de Mim”

No Pop-Rock, Di Ferrero + Vitor Kley aparecem em destaque entre as mais ouvidas

No Pop-Rock, o mês de março trouxe novidades. O primeiro lugar ficou com  

Di Ferrero + Vitor Kley, com seu hit “Intensamente”, que teve 11.122  plays.

Na segunda colocação aparece Jota Quest, com “Imprevisível”, que teve 8.198 plays, enquanto que o terceiro lugar ficou para “O Amor Machuca Demais”, de Vitor Kley, que teve 6.871 exibições.

Xamã+DJ Gustah mantém a dianteira entre as mais tocadas  março no gênero Rap|HipHop

Repetindo a receita de sucesso dos meses anteriores, Xamã+DJ Gustah mantiveram a primeira posição entre as mais ouvidas no mês de março com incríveis 35.542 plays.

Em seguida vem Projota+Lourena, cuja canção “Pássaros” teve 13.087 plays, enquanto que o terceiro lugar ficou com “Jasmim”, do rapper Hungria Hip Hop teve 6.418 exibições.

Gênero Reggae, “Deixe-me ir” segue na liderança isolada entre as músicas mais tocadas nas rádios do Brasil em março

Mantendo a trajetória de sucesso, a banda paulista Maneva segue na primeira colocação com “Deixe-me Ir – Tem Café” com expressivos 12.353 plays.

Saltando da quarta para a segunda colocação vem O Rappa, com “Anjos Para Quem Tem Fé”, com 3.768 plays, seguido bem de perto por Ivete Sangalo+Iza, na terceira posição, com 3.682 plays

Baitaca repete os meses anteriores e segue na liderança em março

Como nos meses anteriores, março traz Baitaca como o grande campeão no gênero regional sul, com  “Do Fundo da Grota”, que teve 14.252 plays.

Em segundo lugar vem o hit “Camionete Branca”, de Paulinho Mocelin e Coração De Gaiteiro, que foi tocada 4.401 vezes, seguida de “Gritos de Liberdade”, do Grupo Rodeio, com 3.647 exibições. Mocelin, com a retomada dos evento está com agenda lotada e, em maio desembarca em Santa Catarina no tradicional Rodeio do CTG Os Praianos. Como será que vai estar o desempenho da música no Estado? Acompanhe tudo no Charts da Audiency. Filtro Estado SC, gênero regional sul, todas as emissoras, 24h.  

O gênero teve ainda sucessos como “Batendo Água”, de Luiz Marenco E “Tordilho Negro” de Os Serranos.

Gênero romântico: Amado Batista e Fagner entre as músicas mais tocadas nas rádio do Brasil em março

Falando em música romântica, neste mês de março o campeão foi Amado Batista que computou 15.098 plays com a música “Folha Seca”, em primeiro lugar e também no segundo com “Paixão de Genivaldo”, que teve 10.269 exibições.

Na terceira posição fica o hit “Borbulhas de Amor”, de Raimundo Fagner, que teve 6.858 plays.

Samba|Pagode: Thiaguinho + Felipe Araújo entre as músicas mais tocadas nas rádios do Brasil em março

Neste mês de março, a grande campeã no gênero samba|pagode foi a música “Sábado e Domingo”, de Thiaguinho + Felipe Araújo, que teve 43.760 plays.

Na sequência vem o sucesso “Mensagem Apagada”, de Dilsinho+Sorriso Maroto, com 36.038 plays.

O terceiro lugar foi para o cantor Ferrugem, com o sucesso “Cachorrinho”, tocada 34.952 vezes. 

O mês teve ainda sucessos como “Postadores de Mentira”, do Grupo Pixote e “O Mundo Dá Voltas”, do Grupo Menos é Mais.

No gênero sertanejo, Simone e Simaria entre as músicas mais tocadas nas rádio do Brasil em março

As músicas mais tocadas nas rádios do Brasil em março (top3) são do gênero sertanejo e você já conhece. Mas os destaques desse gênero que é paixão nacional são muitos.

Na quarta posição “Vontade de Morder”, de Simone e Simaria+Zé Felipe, com 84.551 plays e um dos hits que embalam as ondas de rádio.

Agora que você já conhece as mais tocadas de março em cada um dos gêneros, que tal fazer um filtro ainda mais específico e descobrir os sucessos nas emissoras da sua cidade, região ou estado? É simples: acessa charts.audiency.io e  descubras as milhares de opções. É só clicar na logo abaixo 😉

E aí, gostou do ranking das músicas mais tocadas nas rádio do Brasil em março?

Checking de mídia

Você sabe o que é e qual a importância do checking de mídia?

Checking de mídia: conheça uma ferramenta que permite o completo acompanhamento  de sua campanha  publicitária e do retorno de seu investimento no rádio

Como em qualquer investimento, quando alocamos nosso orçamento em uma determinada atividade, precisamos saber da eficácia do produto ou serviço, seu custo-benefício, se atinge o objetivo esperado.

Quando falamos de campanhas publicitárias não é diferente. Especialmente quando o veículo escolhido é o rádio, que é o canal de preferência de cerca de 80% da população. Ou seja, em teoria, um excelente veículo para divulgação.

Entretanto, como todo ramo de negócio, no ramo publicitário, é de vital importância o acompanhamento sucinto do investimento feito na campanha. Saber se os anúncios foram divulgados nos horários e dias contratados ou nos programas escolhidos.

Checking de mídia

O que é o checking de mídia?

Essa avaliação, chamada de checking de mídia, assegura o controle das veiculações da campanha, averiguando o número de publicações  em determinadas mídias, bem como o tempo e horário de exposição . É um relatório emitido por empresa com capacidade técnica e tecnológica de monitoramento das veiculações.

Para essa avaliação, os dados são fundamentais, e os dados devidamente tratados fornecem informações estratégicas importantíssimas, que permitem ao cliente e sua agência avaliar a qualidade e eficácia de toda uma campanha publicitária, bem como, o retorno do investimento realizado.

Para fornecer dados consistentes para a análise dos resultados das campanhas publicitárias um grande número de anunciantes de rádio está utilizando as soluções da Audiency. A empresa acompanha toda a execução da sua campanha, de maneira segura, captando um grande volume de dados e disponibilizando relatórios personalizáveis por meio de login e senha.

Em poucas etapas, de maneira simples e intuitiva, o assinante pode ver  e acompanhar o desempenho de seus anúncios por emissoras, horários e programações, a distribuição dos spots, e fazer as mensurações de todas as veiculações das campanhas, tudo em tempo real, com a geração instantânea de todos os tipos de relatórios.

Por que é importante fazer checking de mídia?

Ter visão em tempo real e poder imprimir  relatórios que deem a segurança de que você realmente utilizou a verba pública  adequadamente, por exemplo, já são dois motivos suficientes para comprovar a importância de fazer checking de mídia. No entanto, os benefícios envolvem muitos outros fatores.

A plataforma oferece um serviço completo para que a sua campanha publicitária seja um sucesso. Através dela as emissoras são cadastradas (caso ainda não estejam no sistema), a distribuição do material é realizada pela plataforma que permite identificar quem visualizou e baixou. Por fim, uma análise e um relatório geral por emissora, campanha ou data é disponibilizado.

Algumas empresas e agências conseguem reduzir erros de veiculação, prestar contas de campanhas de forma mais rápida, corrigir spots com rapidez, bem como, identificar veiculações não autorizadas de conteúdo de marca.

Com a Audiency, o cliente pode acompanhar as veiculações de peças publicitárias no momento em que são exibidas, por meio de relatórios diários, e os dados podem ser disponibilizados em qualquer dispositivo eletrônico, inclusive no seu celular.

Supervisão  da veiculação publicitária em tempo real

O dashboard de monitoramento permite que a supervisão da publicidade aconteça de forma proativa, além de favorecer a identificação dos problemas no exato momento em que acontecem.

Exatamente por trabalhar em tempo real, a plataforma coleta, processa e armazena dados que possibilitam uma análise em tempo real de tudo que é veiculado em todas as rádios do Brasil e de mais 18 países.

Conheça mais sobre essa importante ferramenta: contate-nos e faça um test drive. Você não vai mais perder informações importantes sobre sua campanha, nem sofrer prejuízos por uma divulgação errada.

Ainda em dúvida sobre a importância do Checking de mídia? Então confira o case de uma cooperativa de crédito e de um supermercado. Faça como eles, otimize suas campanhas no rádio.

Solicite agora mesmo o atendimento de um de nossos consultores.


Mudar para inserções

Mudar para Veiculação

Mudar para acessar

Mudar para verba Investida

Mudar para acompanhamento

O acompanhamento

Como e onde o brasileiro ouve rádio

Conheça como e onde o brasileiro ouve rádio

Brasileiro ouve rádio, e muito! Novos tempos trazem inúmeras possibilidades para esse poderoso veículo.

Você também fica curioso e se perguntando “Como e onde o brasileiro ouve rádio?” Novos tempos trazem inúmeras possibilidades para esse poderoso veículo e novas formas para os ouvintes. Vamos lá?

Que o meio rádio ainda é um veículo de comunicação de grande preferencia dos brasileiros, não é uma surpresa. Segundo um estudo apresentado pela Kantar IBOPE em 13 regiões metropolitanas do Brasil, 80% dos brasileiros ouvem rádio.

Contudo, o bom e velho “radinho” foi, ao longo do tempo, sendo substituído por equipamentos mais modernos, de melhor qualidade de recepção e reprodução do som. 

Atualmente, a quantidade de aparelhos disponíveis para recepção do meio rádio é ampla, variando desde o aparelho comum até os celulares, passando também por serviços de streaming de rádio que podem ser consumidos na própria Smart TV.

Onde o brasileiro ouve rádio?

Embora 71% do público ouça o rádio em casa, uma parcela importante (24%) o faz no carro, em seu deslocamento para o trabalho ou outros compromissos. É interessante notar que 80% das pessoas ouvem rádio em aparelhos comuns, 25% já o fazem via celular e 4% utilizam outros dispositivos para ouvir sua rádio preferida.

Porém, o consumo de rádio via celular tem uma tendência de alta, já que desde novembro de 2021 a Anatel passou a exigir a função de recepção de sinal do serviço de radiofusão em celulares como um dos pré-requisitos para liberar a homologação do produto. Essas novidades permitirão um consumo ainda maior do meio rádio, a qualquer hora e em qualquer lugar. É o celular dando lugar ao rádio de pilha no campo de futebol, no piquenique no parque e até mesmo no trabalho no campo.

Consumo de rádio web aumentou

Importante também salientar o expressivo aumento no consumo de rádio online. Cerca de 10% da população das 13 regiões metropolitanas analisadas no estudo, ouvem rádio pela web, com um consumo diário de 2h44, nessa modalidade.

Isso tudo mostra a importância de meio rádio  como veículo de disseminação de informações, cultura, entretenimento e obviamente  como uma importante ferramenta de publicidade.

Dessa forma, anunciar no meio rádio é garantia de ter seu produto ou serviço, a princípio, bem divulgado.  Mas não basta apenas anunciar. É importantíssimo acompanhar de perto a transmissão e o alcance de sua publicidade.  Diz a máxima que dados importam, e dados tratados importam muito mais.

E para acompanhar todo esse trabalho e obter dados analíticos dos resultados de campanhas publicitárias no meio rádio, a Audiency disponibiliza uma ferramenta que fornece dados em tempo real.

Trata-se de uma plataforma altamente especializada que acompanha toda a execução se sua campanha, de maneira segura, por meio de login e senha.

Em poucas etapas, de maneira simples e intuitiva, o assinante pode ver acompanhar o desempenho de seus anúncios por emissoras, a distribuição dos spots, e fazer as mensurações de todas as veiculações das campanhas, tudo em tempo real, com a geração instantânea de todos os tipos de relatórios.

Com a Audiency, o cliente pode acompanhar as veiculações de peças publicitárias no momento em que são exibidas, por meio de relatórios diários, e os dados podem ser disponibilizados em qualquer dispositivo eletrônico, inclusive no seu celular. Assim, ficou muito mais fácil de acompanhar sua publicidade no rádio.

O dashboard de monitoramento permite que a supervisão da publicidade ou das músicas aconteça de forma proativa, além de favorecer a identificação dos problemas no exato momento em que acontecem.

Já são inúmeros casos de sucesso em diferentes segmentos econômicos. Na área publicitária, por exemplo, um dos cases de sucesso envolvendo agência é de uma rede de supermercados. Com a ferramenta foi possível

Conheça mais sobre essa importante ferramenta e acompanhe muitas outras dicas em nossas redes sociais

Instagram | Facebook | Linkedin | Youtube | Twitter

Se preferir, converse agora mesmo com um de nossos consultores

3 a cada 5 ouvintes escutam rádio diariamente mostra uma pesquisa da kantar ibope

3 a cada 5 ouvintes escutam rádio diariamente

Você sabia que 3 a cada 5 ouvintes escutam rádio diariamente ?

O rádio é um dos meios de comunicação mais solidificados que temos atualmente e sua presença é universal. Se olharmos para o Brasil especificamente, num estudo realizado pelo Kantar IBOPE no ano de 2021, em 13 regiões metropolitanas do país, veremos que 80% da população ouve rádio.

Ou seja, é um veículo de ampla aceitação em todas as faixas da sociedade, sendo bastante popular nas faixas etárias entre 20 e 59 anos, principalmente. É um veículo que leva conteúdo a uma parcela bastante expressiva da população, chegando a impactar 8 em cada 10 pessoas. No entanto, diariamente, o estudo mostra que são 3 a cada 5 pessoas.

Outra característica interessante desse veículo é que pode ser acessado de qualquer lugar. Nessa realidade, 71% dos ouvintes o fazem de casa e 24% do rádio veicular, sendo que esta modalidade mostrou um aumento de 6 pontos em relação ao ano anterior, em virtude do gradual retorno à normalidade, no cenário da pandemia.

3 a cada 5 ouvintes escutam rádio diariamente

Esses tempos de adaptação mostraram a fidelidade do ouvinte ao rádio, porém em novas modalidades, como é o caso do celular. A retomada gradual das atividades e reabertura dos espaços públicos levou o consumo do meio rádio a patamares semelhantes aos observados em 2019, com o pico de consumo ainda acontecendo no período da manhã.

Se analisarmos as quatro regiões mais populosas do país:  norte, nordeste, sul e sudeste, veremos um aumento no alcance do consumo do meio rádio em todas elas, onde uma média de 81,5% da população ouve rádio. São cerca de 4h26min de ouvido colado no rádio.

Contudo, pode-se observar o crescimento da modalidade de consumo do rádio online.  De acordo com o estudo da Kantar IBOPE, 10% da população das 13 regiões metropolitanas estudadas ouviram rádio web, no período estudado, com um tempo médio diário de 2h45min.

Rádio Web – um público de qualidade

Ainda nessa modalidade, observamos a maior preferencia por parte do público jovem, entre 20 e 39 anos, em particular da classe AB, que representa um público bastante conectado e ligado em novas tendências e tecnologias.

Isso é observado porque o meio web é bastante versátil e conta com uma variedade de dispositivos através dos quais pode ser acessado. Observa-se que o consumo online acontece durante todo dia e o dispositivo campeão de acesso é o celular, com 66%, seguido pelo computador, com 37% .

Por todos esses motivos, o meio rádio torna-se um ambiente perfeito e bastante abrangente, não apenas para a divulgação de conteúdos artísticos, mas também uma poderosa ferramenta de publicidade.

Anúncios no rádio seguem em crescimento

Atentas ao potencial do rádio, as empresas têm investido na publicidade do meio. Além do alcance e diferentes formatos, a credibilidade da marca também é reforçada com anúncios na programação das emissoras.

Entre os formatos “mais queridos” que os entrevistados responderam estão os comerciais entre os programas e músicas, respondendo por 42%.

Melhor que isso é o impacto que a mídia no meio gera. Se diariamente 3 a cada 5 ouvintes escutam rádio diariamente, estão colados no rádio, saiba que o formato de propaganda em áudio que o respondente mais presta atenção é o tradicional comercial entre os programas e músicas, com 50% da atenção. Promoções na programação vem na segunda colocação com 28% e ações publicitárias feitas por locutores, em 3º lugar com 26% da preferência.

Como monitorar a publicidade no rádio

Se os formatos são diferentes, se os horários são indeterminados e as quantidades variam por campanha ou ação, como então monitorar toda essa publicidade? Simples assim, contratar a Audiency.

A empresa já contabiliza inúmeros cases de sucesso tanto no mercado varejista como redes de supermercados, quanto cooperativas de crédito, no setor financeiro.

Se você é uma das mais de 5.000 marcas que investem no rádio, solicite agora mesmo o atendimento de um de nossos consultores e faça uma análise da sua estratégia. Mas se você é uma das inúmeras marcas que ainda não conhecem o potencial do meio, que tal criar uma campanha e testar o seu retorno? Você vai se surpreender.

Siga nossas redes sociais e acompanhe muitas outras dicas de como a publicidade no rádio pode impulsionar suas vendas e gerar credibilidade na marca.

Instagram | Facebook | Linkedin | Youtube | Twitter

Publicidade no rádio como escolher a sua emissora ideal?

Publicidade no rádio: como escolher a emissora ideal?

Com o avanço da tecnologia e a evolução da maneira de se fazer rádio, as programações desse veículo se tornaram multiplataformas, o que significa que as pessoas agora estão ouvindo por telefone, tablet, computadores e aplicativos. Com isso, a publicidade no rádio nunca foi tão dinâmica.

A variedade de estações de rádio significa que você tem mais opções sobre onde distribuir o comercial da sua empresa, mas isso também significa que você tem mais decisões para tomar. A chave para obter sucesso e alcançar taxas de conversão satisfatórias, está na maneira como os anunciantes entendem sua segmentação de público-alvo e escolhem qual emissora e programa de rádio anunciar.

Publicidade no rádio: os diferentes formatos

Já comentamos em outras matérias sobre os formatos possíveis de anúncios no rádio, mas não custa relembrar, até porque, ele varia de acordo com o objetivo publicitário e, basicamente se dividem em spot, jingle, assinatura de patrocínio e testemunhal.

Além do formato, a segmentação do seu anúncio para os ouvintes certos deve ser o seu principal objetivo. Escolher a emissora de rádio que seu público-alvo escuta é fundamental para ter o ROI – Retorno sobre o Investimento desejado na sua estratégia de publicidade que também pode variar de objetivo, tanto para alcançar um maior público, quanto reforçar ou construir uma imagem e melhorar a credibilidade de uma marca ou personalidade.

A emissora ideal x formato ideal

Escolher a emissora certa para melhor impactar seu perfil de consumidores parece ser uma tarefa bastante complexa, não é mesmo? Mas pode ficar mais fácil quando começamos a entender melhor nosso objetivo e forma de divulgar. Em uma emissora, você pode contratar o patrocínio de um programa culinário, enquanto em outra você pode contratar um spot publicitário, em uma terceira emissora um testemunhal do próprio apresentador / comunicador porque ele é muito carismático. E se avaliar melhor, você pode contratar estes diferentes formatos em uma única emissora.

Agora que você já conhece alguns itens indispensáveis na hora de escolher a melhor emissora para anunciar, reavalie suas mídias e investimentos. A análise dos recursos de segmentação de diferentes mídias colocou o rádio no topo da lista como o meio mais flexível, pois pode ser usado para atingir o público de várias maneiras.

Distribuição, análise e monitoramento da publicidade no rádio

Mas e depois que escolheu as emissoras, como distribuir com eficiência o conteúdo que será veiculado? Como obter relatórios em tempo real dessa veiculação?

Assim como o meio digital disponibiliza relatórios das veiculações, com retorno dos investimentos, no meio rádio essa alternativa já é possível. A Audiency, uma completa ferramenta de captura, análise e distribuição de dados para o meio rádio chegou para facilitar a análise dos investimentos no meio.

Com uma equipe eficiente e altamente capacitada, a Audiency permite que anunciantes possam acompanhar, em tempo real, a veiculação de seus investimentos em mídia radiofônica, independente do formato da veiculação.

Case de sucesso de anunciante no rádio

Veja por exemplo, o case de sucesso da Cooperativa de crédito que ampliou o seu retorno neste meio apenas monitorando sua mídia. Além de garantir a perfeita execução do contratado no PI – Pedido de Inserção, a empresa também garantiu uma perfeita distribuição, analisando indicadores como horário de download de material, substituição de spots, e muito mais.

Aqui temos apenas um dos inúmeros cases de sucesso de empresas, de diferentes segmentos, que conseguiram obter melhores resultados apenas utilizando o business intelligence disponibilizado no completo dashboard da plataforma da Audiency.

Quer saber mais, como tudo isso funciona e como você pode utilizar estes dados saber qual a melhor emissora para anunciar? Agende uma conversa com um de nossos consultores e faça um teste com o seu próprio spot.

Siga nossas redes sociais e acompanhe muitas outras dicas de como a publicidade no rádio pode impulsionar suas vendas e gerar credibilidade na marca.

Instagram | Facebook | Linkedin | Youtube | Twitter